Economia Circular

Durante as conversas preparatórias com o pessoal do PiNG, fui informado que um tema central com que eles querem que a gente trabalhe durante a residência em Nantes é a economia circular. De fato, o Ceci n’est pas un déchet, evento do qual vamos participar lá em setembro, é dedicado a este tema. Curiosamente, há pouco tempo também recebi de um conhecido do reino unido os links para este post de Ken Webster sobre a economia circular em países emergentes e para um podcast em que a brasileira Luísa Santiago é entrevistada sobre o assunto.

Confesso que ainda não conheço muito sobre a economia circular, mas vou mantê-la no horizonte das reflexões ao longo do projeto. À primeira vista, faz todo o sentido trabalhar com a ideia de projetar circuitos que se contraponham a uma economia “linear” baseada na extração, produção, venda e descarte. Mas tenho também algum receio de fórmulas mágicas que reduzem tudo a aspectos econômicos, de logística e distribuição. Como será que a a economia circular trata aspectos de poder e política formal, circuitos paralelos, descompasso entre imagem e realidade?

A ver…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s